Brasil recebe primeiro carregamento com insumos da China para vacina da AstraZeneca

RIO DE JANEIRO (Reuters) – Um primeiro carregamento com 88 litros dos ingredientes ativos para produção da vacina da AstraZeneca para Covid-19 no Brasil chegou da China neste sábado (7),  em um evento bastante aguardado à medida que o país busca impulsionar seu programa de imunização.

Os insumos serão enviados de avião para o Rio de Janeiro, onde a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) poderá utilizá-los para começar a finalizar e envasar 2,8 milhões de doses.

A Fiocruz espera receber mais ingredientes neste mês para produzir um total de 15 milhões de doses da vacina desenvolvida em conjunto com a Universidade de Oxford.

A vacina da AstraZeneca é o pilar central do programa de vacinação federal brasileiro e o governo encomendou material suficiente para que a Fiocruz fabrique até 100 milhões de doses.

O Brasil começou a imunização de sua população de 210 milhões com a vacina desenvolvida pela chinesa Sinovac Biotech e com 2 milhões de doses da vacina da AstraZeneca prontas para uso importadas da Índia no mês passado.

A Pfizer entrou na sexta-feira com pedido de registro definitivo para sua vacina no Brasil. A AstraZeneca solicitou em 29 de janeiro a aprovação definitiva para seu imunizante.

O presidente Jair Bolsonaro, que diz que não vai tomar nenhuma vacina, porque já foi infectado com o vírus e assim estaria imune, tem sofrido pressão devido à lenta e desequilibrada evolução inicial do programa de vacinação do país, que está em meio a uma segunda onda de infecções.

Bolsonaro já se referiu ao vírus como “gripezinha”, mas seu governo tem enfrentado cada vez mais críticas pelo modo como tem lidado com a pandemia, que já matou mais de 231 mil pessoas no Brasil, o segundo maior número de mortes no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

O Instituto Butantan disse também neste sábado que começou a finalização e envase de 8,6 milhões de doses da vacina da Sinovac, a chamada CoronaVac, com ingredientes que chegaram da China na quarta-feira.

O Butantan afirmou que espera receber mais um carregamento dos insumos na quarta-feira, o que permitiria a produção de mais 8,7 milhões de doses.

Profissão Broker: série do InfoMoney mostra como entrar para uma das profissões mais estimulantes e bem remuneradas do mercado financeiro em 2021. Clique aqui para assistir

The post Brasil recebe primeiro carregamento com insumos da China para vacina da AstraZeneca appeared first on InfoMoney.