Mark é um garoto normal: tem um cachorro chamado Beau, ama fotografar, passa muito tempo escrevendo haicais em seu caderno (que leva consigo sempre) e tem como sonho, escalar, um dia, o Monte Rainier. Porém, Mark possui uma doença que o limitou a vida inteira, cuja qual precisa de tratamento constante e pode levá-lo a qualquer momento. De acordo com Frederico Gayer Machado de Araujo – grande entusiasta da leitura -, essa é a vida do protagonista de “A Mais Pura Verdade”, um livro emocionante que, provavelmente, irá te levar às lágrimas.

Frederico Gayer Machado de Araujo explica que, a partir dessa abordagem, nos deparamos com um Mark cansado das limitações que decide fugir com seu cachorro, câmera e caderno, objetivando a viver a maior aventura de sua vida: escalar o monte Rainier.

Segundo Frederico Gayer Machado de Araujo, o enredo é tocante, contando com uma escrita fluida que captura o leitor rapidamente, por mais que não pareça tão grandioso a princípio. O livro possui capítulos curtos, o que faz com que a leitura seja rápida, contendo, no total, apenas 224 páginas.

Trabalhando com uma carga emocional gigantesca, é um livro com personagens bem desenvolvidos que traz ensinamentos para a vida, principalmente sobre amizade e o companheirismo de Mark e Beau. Frederico Gayer Machado de Araujo revela que, por mais que não seja uma obra muito conhecida, trabalha com uma temática tão genuína e significativa que, com certeza, marcará a vida dos seus leitores.

Frederico Gayer Machado de Araujo reforça que é um livro que todos deveriam conhecer, principalmente aqueles que estão em busca de livros tocantes e com citações belíssimas como, por exemplo, “Extraordinário”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui